MENU COMPETIÇÕES GUIA WAVESCHECK
Jogos Radicais Urbanos 2018
Balanço da etapa!
Por Alex Araujo em 14/10/18
Um show de evento, assim podemos avaliar os Jogos Urbanos Radicais 2018.
Jogos Radicais Urbanos 2018 Foto: Fabio Mota
Jogos Radicais Urbanos 2018 Foto: Fabio Mota

Neste sábado tivemos a oportunidade de fazer parte de um grande show do stand up paddle brasileiro, nossa equipe estava em Campo grande e pode acompanhar ao vivo e também participar de forma ativa da transmissão da quarta etapa da CBSUP, prova com formato Sprint que definiu os campeões Brasileiros de 2018.

ESTRUTURA DA PROVA

671x503
Jogos Radicais Urbanos 2018 Foto: SupClub

 

A arena montada em Campo Grande, impressionou todos os atletas que estiveram presentes no evento. Uma grande estrutura foi disponibilizada pensando no conforto dos atletas e em suas necessidades.

 

Área de massagem e recuperação aos atletas, frutas e água a vontade, fora todos os apoiadores da competição que juntaram forças e serviram os atletas com suplementação e ajudaram a abrilhantar mais o evento.

A área reservada aos atletas muito espaçosa, com uma grande tenda que além de proteger os atletas também servia de guardaria para os equipamentos.

O anfitrião do evento Rodrigo Terra em uma entrevista, me disse uma frase que com certeza deveria ser seguida por muitos organizadores de eventos, “ aqui fazemos o evento, primeiro pensando nos atletas e em segundo nos atletas novamente, pois sem eles nada disso será possível”.

Desde 2013 Rodrigo Terra trata de forma especial e muito atenciosa o SUP e sempre faz o evento de acordo com todas as normas e exigências da CBSUP.

PARTE TÉCNICA

O fator mais traumático para uma prova deste formato sprint, são a largada, chegada e posicionamento das raias.

LARGADA e CHEGADA

O corpo técnico neste quesito foi perfeito, todas as largadas e chegadas foram muito bem administrada pelo corpo técnico da CBSUP, e toda organização.

Mesmo com disputas acirradas quase não houve protesto neste quesito.

POSICIONAMENTO DAS RAIAS

A organização fez uma marcação de boias perfeita, cada uma das boias era poitada de forma individual, com isso não tivemos problemas com as raias saírem do lugar e com isso atrapalhar o andamento da prova.


CBSUP

Mesmo com um ano atípico e cheio de rumores sobre a economia e também a situação do brasil devido a uma eleição presidencial, a CBSUP fez um circuito uniforme, e cumpriu muito bem seu papel como entidade.

Ivan Floater a frente da instituição desde 2011, não mediu esforços para que mesmo neste período de resseção o circuito Brasileiro fosse um fiasco, com isso gerando a oportunidade de mais um ano podermos ter a possibilidade de formar nossos campões da modalidade.

Mesmo o SUP Brasileiro passando por esta recessão, ainda somos praticamente o único país com um circuito nacional com 4 etapas e que define seus campeões em diferentes modalidades.

Ainda não é o Circuito que todos esperamos, mas temos que reconhecer o trabalho que foi feito até hoje e tentar de uma forma positiva colaborar com ideias e atitudes positiva que some para a entidade e todas as categorias.

1224x816
Jogos Radicais Urbanos 2018 Foto: Fabio Mota

 

SHOW DE SUP EM CAMPO GRANDE


CATEGORIA 12.6 ELITE MASCULINO

Logo nas primeiras baterias do dia , os atletas já davam a entender que o dia seria repleto de emoções.

Na raia os maiores nomes da atualidade travaram uma verdadeira batalha dos remos,  e aos poucos as baterias foram afunilando e confrontos foram se tornando cada vez mais dramáticos.

Tuca Santacreu, vinha mostrando uma forma física excepcional, remando forte e equipado com a prancha do seu patrocinador Gustavo Ratones, que estava andando muito  formavam uma combinação perfeita e vinha bateria a bateria mostrando que este ano o título da prova estava realmente em seus projetos.

Tuca enfrentou batalhas difíceis para chegar até a final do evento e conseguiu impor sua velocidade e técnica chegando a grande final da competição.

Na grande final o atleta enfrentou Gui dos Reis, David Leão, Gui Thawire e Vinnicus Martins.

Logo na largada da grande final Tuca imprimiu um ritmo forte deixando a os atletas para trás, Vinnicius Martins seguia de perto, com David Leão na terceira posição, Guilherme dos Reis na quarta posição e Gui Thawire em quinto.

Nos primeiros 100 metros Tuca já estava na liderança da prova e passou a administrar a conquista cruzando a linha de chegada na primeira posição, na briga pela segunda posição o itacarense David Leão  conseguiu um sprint incrível e ultrapassou Vinicius Martins, cruzando a linha de chegada na segunda posição.

Guilherme dos Reis e Guilherme Thawire completaram o pódio na quarta e quinta posição respectivamente.

Com este resultado Arthur Santacreu conquistou o bicampeonato da modalidade Sprint Race e consolida sua fama de remador mais rápido do Brasil.

1224x816
Tuca Santacreu, Jogos Radicais Urbanos 2018 Foto: Fabio Mota

 

RESULTADO PROVA MASCULINO 12.6 ELITE:

1-Arthur Santacreu
2-David Leão
3-Viniciius Martins
4-Guilherme dos Reis
5-Guilherme Thawire de Souza
6- Gabriel Ortiz
7- Lucas do Carmo Belchior
8- Mario cavaco Neto
9- Rafael Maia
10- André Paiva

1224x816
Vinicius Martins, Jogos Radicais Urbanos 2018 Foto: Divulgação.

 

CAMPEÃO BRASILEIRO DE 2018 CBSUP

Dentro de tantas emoções que estavam em jogo em Campo Grande, foi muito bonito de ver a forma que o atleta Vinicius Martins conduziu sua conquista do título brasileiro de 2018.

O atleta teve um ano de aproveitamento espetacular, em todo este tempo que pude acompanhar sua evolução, neste ano de 2018 a maturidade que o atleta conquistou representando o Brasil nas provas internacionais ficou muito aparente.

Este título vem para consagrar uma carreira que é recheada de conquistas importantes,  um atleta do calibre do Vinncius Martins não poderia esta de fora da galeria dos campeões da CBSUP, e este garoto de Búzios, mostrou com toda simplicidade como se tornar campeão e saber ser perseverante quando se tem um objetivo.

Parabéns Vinnicius Martins este título foi mais que merecido!

1224x816
Jogos Radicais Urbanos 2018 Foto: Fabio Mota

 

CATEGORIA 12.6 FEMININO ELITE


As maiores remadoras do Brasil, também deram um show a parte das águas de campo Grande, Aline Adisaka, Lena Guimarães, Moah Jessika, Aline Abad e Mel Figueiredo travaram disputas de tirar o folego e levantaram a torcida que assistiam ao show no entorno do lago no Parque das Nações.

Em uma disputa de melhor de três baterias, onde os três melhores resultados seriam somados, com isso definindo a campeã da competição, a atleta de Ubatuba Aline Adisaka mostrou que é uma especialista no Race Sprint e venceu a prova, garantindo a vaga para o mundial da ISA na modalidade.

1224x816
Aline Adisaka, Jogos Radicais Urbanos 2018 Foto: Fabio Mota

 

A GRANDE FINAL

Aline teve grandes momentos na prova, foi uma grande guerreira e não deu chances as suas adversárias na final,Lena Guimarães seguiu na segunda colocação,  Moah Jéssika sempre mostrando muita garra e foça de vontade em suas disputas conquistou a terceira colocação, seguida de Aline Abad na quarta colocação e a única representante baiana no evento Mel Figueiredo na quinta colocação.

Com este resultado Aline Adisaka conquista o seu terceiro título da modalidade Race Sprint e não deixa dúvidas que quando o assunto é remar rápido, ela chega junto.

1224x816
Jogos Radicais Urbanos 2018 Foto: Fabio Mota

 

RESULTADO FEMININO 12.6 ELITE

1- Aline Adisaka
2- lena Guimarães
3- Moah Jessica
4- Aline Abad
5- Mel Figueiredo
6- Ysttefany Moraes

CAMPEÃ BRASILEIRA DE 2018

1224x816
Jogos Radicais Urbanos 2018 Foto: Divulgação.

 

Lena Guimarães lutou com muita garra, e fez um ano muito constante para se tornar tricampeã Brasileira do Circuito feminino mais disputado da história da CBSUP.

Vale ressaltar a postura da atleta, sendo sempre solicita com todos da imprensa, profissional em relação aos seus patrocinadores e com uma conduta fair play excepcional.


OUTRAS CATEGORIAS

Na categoria máster 12,6 profissional o título foi decidido em uma bateria de 3 atletas, o grande campeão foi o veterano Alex Araujo, com Lino Barbosa na segunda colocação e André Paiva, fechando o pódio na terceira colocação.

1224x816
Jogos Radicais Urbanos 2018 Foto: Fabio Mota

 

RESULTADO PRO MASTER 12.6

1- Alex Araújo
2- Crisvaldo Lino Barbosa
3- André Paiva

Na categoria 14 pés profissional o grande vencedor foi Rafael Maia, atleta de Brasília e um dos grandes nomes da modalidade sempre sendo um destaque em disputas com este formato.

Maia além de disputar a 14 pés, também  teve um resultado muito expressivo na 12.6 pro, chegando na 9ª colocação.

Fechando o pódio da categoria, na segunda colocação ficou o atleta Rodrigo César, e na terceira colocação Cirano Ribeiro.

1224x816
Jogos Radicais Urbanos 2018 Foto: Fabio Mota

 

Resultado 14 pés profissional:

1-Rafael Maia
2- Rodrigo César
3- Cirano Ribeiro
4- Gabriel Vilarinho
5- Lucas Costa
6- José Lazaro
7- Celson Moraes

 

Na race amador 12.6 feminino a grande campeã foi a atleta Aline Moraes, na Race amador Masculino o vencedor foi o remador de Itacaré Cauê, Leonardo Gastão em segundo e fechando o pódio o remador local de Campo Grande Marcelo Rebua.

1224x816
Jogos Radicais Urbanos 2018 Foto: Divulgação.

 

RESULTADO 12.6 AMADOR MASCULINO:

1- Cauê Rocha
2- Leonardo Gastão
3- Marcelo Rebua
4- Zeba Vilas Boas
5- Paulo Eduardo Luchner

1224x816
Jogos Radicais Urbanos 2018 Foto: Fabio Mota

 

RESULTADO 12.6 AMADOR FEMININO


1- Iasmim Moraes
2- Libera Coppeti
3- Yana Rocha
4- Julia Florentino
5- Luciana Pereira

FUN RACE MASCULINO:

1-Paulo Eduardo Luchner
2- Gustavo dos Santos
3- Luis Claudio Alves

 

FUN RACE FEMININO:

1- Gabriela Cristina
2 – Julia Florentino
3- Monica Luchner

*Estamos aguardando a comptuação dos resultados, para divulgar a lista dos campeões brasileiros de todas as categorias, aguardem mais informaçoes nas próximas atualziações.

JOGOS RADICAIS URBANOS

Os Jogos Radicais Urbanos consolidam o esporte de aventura no Estado de Mato Grosso do Sul, recolocando Campo Grande no cenário nacional como polo ecológico para a prática do esporte radical urbano. Todos os atletas tiveram a disposição nos dias de evento, médicos, bombeiros, equipes de segurança e toda uma infraestrutura preparada para garantir conforto e tranquilidade aos participantes.

SOBRE A CBSUP

A CBSUP organiza o circuito brasileiro de SUP profissional e amador e transmite cada evento ao vivo para você acompanhar todas as disputas e emoções dos melhores atletas do Brasil e do mundo em qualquer lugar que você esteja e tenha acesso a internet.

 

Nossos eventos são realizados nos locais com o maior potencial para o esporte do Brasil onde competem as categorias masculino e feminino em várias modalidades

 

Fundada em 2013 a CBSUP tem mais de 1500 filiados e muitos parceiros e fãs dedicados que, juntos, acompanham todo esse trabalho. A entidade está sediada em Ibiraquera, um dos locais com maior potencial para a prática do esporte no país e sede do primeiro campeonatos brasileiro e mundial que ocorreram no Brasil.

Nosso objetivo é:

Levar o SUP e todas as suas realizações para os fãs de todo o mundo.

Promover os supistas profissionais e amadores e credencia-los como os melhores do país.

Trabalhar com sustentabilidade e promover o esporte e a consciência ambiental.

A CBSUP existe para celebrar e cultivar a história, os atletas profissionais e amadores, diversos fãs e parceiros dedicados que, juntos, elegeram o Stand Up Paddle como um modo de vida.

 

Veja também
Por dentro do Tour

Por dentro do Tour

O mundo de olho nas Canárias

Panhandle Paddle Classic 2018

Panhandle Paddle Classic 2018

Brasil chega junto

Rei e Rainha do Mar 2018

Rei e Rainha do Mar 2018

Animal e Aline vencem em Ubatuba

Rip Curl Guarujá Open

Rip Curl Guarujá Open

Luiz Diniz vence em casa

Rei e Rainha do Mar

Rei e Rainha do Mar

Evento rola em Ubatuba

Rei de Búzios 2018

Rei de Búzios 2018

Vinni e Lena reinam em Búzios

Rip Curl Guarujá Open

Rip Curl Guarujá Open

Atletas dão show de surf

Rip Curl Guarujá Open

Rip Curl Guarujá Open

Circuito Guarujaense de SUP

Rei de Búzios 2018

Rei de Búzios 2018

Palavra do diretor técnico.

Paris SUP Open 2018

Paris SUP Open 2018

Quem serão os campeões?

Aloha Spirit 2019

Aloha Spirit 2019

Calendário confirmado

Peru é palco do Pan

Peru é palco do Pan

Pan-Americano de SUP 2018

Red Bull Heavy Water 2018

Red Bull Heavy Water 2018

Evento cancelado

Brazilian SUP Storm

Brazilian SUP Storm

Brasil domina ranking APP 2018

South to South de SUP Vicentino

South to South de SUP Vicentino

Léo Gimenes imbatível em Itararé

Red Bull Heavy Water 2018

Red Bull Heavy Water 2018

Pontos valiosos em Ocean Beach