MENU COMPETIÇÕES GUIA WAVESCHECK
CBSUP
Balanço do Bahia Race Pro
Por Redação SupClub em 06/08/17
Melhores momentos e um balanço da 2ª etapa do circuito brasileiro de SUP Race e seletiva para o mundial da ISA realizada no último sábado (5), na Praia da Preguiça em Salvador (BA). Confira.
1224x816
Competidores aguardam a largada na Praia da Preguiça. Foto: Fabio Mota/ CBSUP.

 

A Praia da Preguiça em Salvador (BA) recebeu no último sábado (05) os melhores remadores de stand up paddle do Brasil reunidos para as disputas do Live Ibira Apresenta: Super SUP Brasil – Bahia Grand Slam, competição válida como segunda etapa do circuito brasileiro organizado pela Confederação Brasileira de Stand Up Paddle (CBSUP) que em parceria com a CBS (Confederação Brasileira de Surfe) e Associação Baiana, definiu quem serão os atletas que representarão nosso país no Mundial organizado pela ISA (International Surfing Association) que será realizado em setembro, na Dinamarca, nas modalidades SUP e Paddleboard.

 

As disputas, que estavam previstas para serem realizadas na Praia da Capitania dos Portos, foram transferidas para a Praia da Preguiça atendendo a um pedido da Marinha que receberia na mesma data um treinamento interno de grandes proporções nessa mesma praia.

 

A mudança, no entanto, foi muito positiva, pois, os competidores tiveram à disposição mais espaço para as largadas e acomodação de equipamentos, na bela estrutura montada na Praia da Preguiça. Além disso, a raia da prova manteve-se a mesma: a poética baía de Todos-os-Santos.

 

As disputas começaram às 8h, com a garotada da Kids dando um show em um percurso de 400 metros especialmente desenhado pelas crianças. Como sempre, a presença dos pais foi intensa e a prova emocionante. A prova foi vencida por Guilherme Santos de Souza (BA), no masculino, e Juliana Rodrigues de Souza Santos (BA) no feminino.

 

Em seguida, as jovens promessas do SUP nacional entraram na água a categoria Junior, uma prova curta, de 2 Km, mas muito disputada e com um alto nível vencida por Robson “Feijão” Sacupaia (BA) no masculino, e Iasmim Moraes Nogueira da Silva (SP).

 

1203x830
Visual da raia da prova. À primeira vista, as águas pareciam calmas. Mas a poucos metros dali o cenário mudava bastante! Foto: Fabio Mota/ CBSUP.

 

Às 9h30 tiveram início as disputas das categorias adultas, iniciadas com as provas amadoras, nas categorias Fun Race e Race Amador. Para completar o percurso de 6 km, os atletas largaram em direção ao Forte São Marcelo, depois fizeram uma boia no retorno, na beira da praia, e seguiram contra a maré, que estava de enchente, e o forte vento, em direção a boia nas imediações do MAM. A força da maré contrária e os ventos tornaram a prova bastante dura, no entanto, no retorno, os competidores foram premiados com ondulações, correntes e vento favoráveis, que proporcionaram condições ideais para o downwind.

 

Ao final, Rickson Santos Freitas (BA) e Karine Aragão (RJ) venceram na Fun Race e Guilherme Cunha (SP) e Talita Silva (SP) foram os campeões da Race Amadora.

 

1224x816
Arthur Santacreu liderou boa parte da prova. Foto: Fabio Mota.

 

Com a conclusão dessa prova, foi a vez da aguardada categoria profissional entrar em ação. O percurso de 12 km apresentava as mesmas características da prova amadora, exigindo técnica, vigor físico e bons conhecimentos de downwind. Largaram juntas as categorias 12’6” e 14, com um espaço de tempo entre os homens e as mulheres.

 

Na categoria 14" Masculino, Bruno Torquato (RJ) liderou a prova do início ao fim, chegando a assumir a primeira colocação geral nos primeiros quilômetros. Com esse resultado, somado à vitória na primeira etapa do ano, realizada em Florianópolis (SC), o carioca dispara na liderança do ranking.

 

No feminino da 14 Pés a vitória ficou com Vanessa Alvares de Castro Rocha (BA), enquanto Antonio Carlos “Totó” Bonfá (SP) e Vanessa Alvares de Castro Rocha (BA) foram os vencedores da Master 14 Pés e Luiz Claudio Graglia Huka (SP) levou a Grand Master da mesma categoria.

Já a Pro 12’6”, a briga entre a elite do SUP Race nacional foi intensa.

 

Entre os homens, um pelotão de elite se formou rapidamente, onde competidores formaram uma grade fila onde as posições se alternaram a todo momento. Arthur Santacreu (SP), no entanto, manteve-se constantemente na liderança durante quase metade da prova, mas  Luiz Guida Animal (SP) fez valer a experiência de quem tem quatro títulos brasileiros na bagagem mostrando uma leitura precisa das complexas condições de ventos e correntes da  baía de Todos-os-Santos para manter sua posição entre os primeiros colocados e atacar no momento certo, mostrando muita habilidade no downwind e assumir a liderança com boa vantagem sobre os demais, cruzando a linha de chegada na primeira colocação.

 

Guida, que não vencia uma prova do circuito brasileiro desde 2015 comemorou muito a vitória agradecendo a sua família, seus patrocinadores e seus amigos pelo apoio aos treinamentos e competições.

 

1224x816
Guida vibrou muito com a vitória. Foto: Fabio Mota.

 

Santacreu, que fez uma excelente prova, encerrou a disputa em segundo lugar e o atual campeão brasileiro, Guilherme dos Reis (SP) foi o terceiro colocado. Eri Tenório (RJ) e Márcio Adriani (RJ) completaram o pódio respectivamente na quarta e quinta colocação. 

 

Outro destaque da Elite foi a presença de dois jovens talentos da Bahia entre os Top 10: os garotos David Leão, de Itacaré, e Robson Sapucaia “ Feijão”, de Salvador, remaram que nem gente grande mostrando que a nova geração baiana vai dar muito trabalho aos profissionais daqui pra frente.

 

Entre as mulheres, a atual campeã brasileira, Lena Guimarães Ribeiro (RJ) fez uma boa largada, assumindo a liderança, mas seguida de perto por Bárbara Brazil. Tendo Paloma Sapucaia (BA), Mel Figueiredo (BA), Aline Abad (SP), Jessika Moah (SP) e Ariani Theophilo (RJ) mais emparelhadas na disputa.

 

Babi aproximou-se de Lena em alguns momentos, mas Lena, por sua vez, soube administrar a liderança e após o contorno da primeira boia foi aos poucos aumentando sua vantagem sobre Barbara para consagrar sua vitória com dois minutos de vantagem sobre Babi, vice-campeã da prova, que, por sua vez, vibrou muito com a chegada da terceira colocada, Paloma Sapucaia, local da comunidade da Gamboa e treinada por ela.

 

Aline Abad e Mel Figueiredo completaram o pódio da Elite Feminino chegando respectivamente na quarta e quinta colocação.

 

1224x816
Lena Guimaraes manteve a lideranca desde o inicio da prova. Foto: Fabio Mota.

 

Na Master 12’6” Pro a primeira colocação ficou com Paulo dos Reis (SP) no masculino e Babi Brazil (BA) no feminino, enquanto Ivan Mundim (RJ) foi o primeiro colocado na Gran Master Pro 12’6”.

 

Já o casal Cláudio Britto e Sinara Pazos confirmaram o favoritismo e foram os primeiros colocados no Paddleboard.

 

A competição também definiu quem serão os atletas que irão representar o Brasil no Mundial de SUP e Paddleboard da ISA (extra-oficial - aguarde confirmação oficial):

 

Race Distance:

- Luiz Carlos Guida - SP

- Guilherme dos Reis - SP

- Lena Guimarães Ribeiro – RJ

- Barbara Brazil Nunes – BA

 

Race Técnico:

- Vinnicius Martins - RJ

- Guilherme dos Reis

- SP - Aline Adisaka - SP

- Lena Guimarães - RJ

 

Sprint:

- Artur Santacreu - SP

- Aline Adisaka - SP

 

Wave:

- Caio Vaz - RJ

- Alex Salazar - SP

-Aline Adisaka - SP

- Fernanda de Freitas – RJ

 

Paddleboard:

- Claudio Britto

- BA - Sinara Britto - BA

 

Equipe Técnica:

- José Augusto Carvalho – BA

- Antonio Gonzaga - SC

 

Convocação oficial AQUI.

 

A próxima etapa do circuito brasileiro de SUP será realizada no mês de setembro na represa de Avaré (SP) e promete muita emoção e disputas intensas na corrida pelo título de 2017.

 

Confira os resultados extra-oficial completos do Bahia Race Pro AQUI.

 

 

 

 

Veja também
CBSUP

CBSUP

10 motivos para você não perder o Brasileiro de SUP

SUP Race Extremo

SUP Race Extremo

Red Bull Heavy Water deve acontecer nesta sexta-feira

SUP Wave

SUP Wave

Leco Salazar com 100% de aproveitamento

Brasileiro de SUP

Brasileiro de SUP

Registros do Avaré Water Festival

Tríplice Coroa de Downwind

Tríplice Coroa de Downwind

W2 fecha a Tríplice Coroa com chave de ouro

Tríplice Coroa de Downwind

Tríplice Coroa de Downwind

Condições clássicas na 2ª etapa da Tríplice Coroa de Downwind

CBSUP

CBSUP

Brasileiro de SUP divulga percursos

Competições

Competições

Chuva adia 2ª etapa da Tríplice Coroa

Competições

Competições

Tríplice Coroa 2017 completa sua primeira etapa

Competições

Competições

Galera rema forte na Ilha do Mel

Brasileiro de SUP

Brasileiro de SUP

CBSUP confirma 5ª etapa do Brasileiro de Race

SUP Wave

SUP Wave

Órbita Blue Surf Master 2017

CBSUP

CBSUP

Inscrições promocionais para o Brasileiro de SUP

Competições de SUP

Competições de SUP

Ilha do Mel SUP Festival é neste sábado

Competições de SUP

Competições de SUP

Bastidores da PPG 2017

Competições de SUP

Competições de SUP

Balanço das finais do PPG 2017