MENU COMPETIÇÕES GUIA WAVESCHECK
Brasileiro de SUP
Balanço do Brasileiro de SUP Race
Por Redação SupClub em 08/05/17
Saiba como foram as disputas de Race Técnico que encerraram o Praia Mole Grand Slam, válido como primeira etapa do Brasileiro de SUP e seletiva para o Mundial da ISA.
2024x1349
As disputas de race técnico foram de arrancar o folego. Foto: Luciano Meneghello.

 

Após quatro dias de batalhas épicas, a primeira etapa do circuito Brasileiro de SUP, “ZDOZE apresenta: Super SUP Brasil 2017 – Praia Mole Grand Slam, patrocinado por Live Ibira e Praia Mole Hotel”, chegou ao seu último dia com a realização das provas de race técnico profissional e amador.

 

As emoções começaram às 9h, na arena do Praia Mole Hotel, na Lagoa da Conceição, com as disputas amadoras. Percursos curtos e de muita explosão que determinaria os campeões da prova. Em disputa, os títulos de Fun Race 12’2″, Race Amador 12’6” (Open, Master e Super Master), uma vez que um bom resultado nessa prova, somado ao da competição de sábado, de longa distância, determinaria o campeão da primeira etapa.

 

2505x1669
Largada Race Amador 12'6". Foto: Luciano Meneghello.

 

 

Destaque para Guilherme Cunha e Iasmim Morais, vencedoras da prova técnica, categoria que é considerada a “elite” entre os remadores amadores.   O título da categoria, somados os resultados de ambas as provas, no entanto, ficou para Iris Azi, no feminino, e Guilherme Cunha, no masculino (resultados gerais da etapa no final da matéria).

 

2276x1518
Gui Cunha. Foto: Luciano Meneghello.

Após a conclusão das provas amadoras, o evento foi transferido para a Praia Mole, onde seriam realizadas as provas profissionais. E as condições estavam perfeitas: mar liso, ondas com cerca de um metro, sol e pouco vento.

 

Enquanto a estrutura ia sendo montada, todos os atletas entraram na água para o reconhecimento da raia formando um belo espetáculo para o público presente, composto de banhistas e fãs do stand up paddle.

 

Quando eram cerca de 11h a categoria 14 pés foi a primeira a entrar no mar. O vento sul, aos poucos começou a soprar e as ondas foram aumentando gradualmente de tamanho.

2207x1470
Iasmim Morais. Foto: Luciano Meneghello.

 

Na água, uma verdadeira batalha, muitos “caldos” e performances épicas. Nesse modelo de prova, além da força física, outros fatores como conhecimento de mar e de surfe contam muito, além do fator sorte, pois quem fosse pego pela série de ondas ficaria preso na arrebentação.  Nesse caso, a estratégia seria, também, muito importante:

 

“Brigar com as ondas”? “Manter a posição”? “Sair da água e buscar um ponto de canal para chegar à boia do outside?"

 

Leonardo Rancich foi o primeiro a superar o desafio cruzando a linha de chegada sob fortes aplausos. Antonio Bonfá veio na sequência, na segunda colocação, com Bruno Torquato em terceiro. Com o resultado Bruno ficou com o título geral da 14 pés e Rancich com o vice-campeonato (resultados gerais da etapa no final da matéria).

 

2505x1669
Leonardo Rancich (à frente) e Antonio Bonfá. Foto: Luciano Meneghello.

 

2253x1502
Bruno Torquato.Foto: Luciano Meneghello.

 

Em seguida foram realizadas as duas baterias eliminatórias da Profissional Open 12’6” enquanto o mar ia ficando cada vez mais forte trazendo muita emoção à disputa, mas, também um pouco de apreensão para que ninguém se machucasse.

 

Definidos os finalistas da elite do esporte foi a vez dos másters entrarem na água e o destaque para o waterman baiano Bruno Pitanga, confirmando o favoritismo para a prova com a primeira colocação do race técnico e também da etapa (resultados gerais da etapa no final da matéria).

 

 

2423x1615
Largada Master Masculino. Praia Mole Grand Slam, Race Técnica. Praia Mole, Florianópolis (SC). Foto: Luciano Meneghello.

 

 

Os veteranos do esporte, os super másters, atletas com mais de 50 anos, entraram logo na sequência e vale destacar a performance e disposição de Ivan Mundim, que ficou com a primeira colocação na prova após a desclassificação do atleta que liderou a race, porém, fazendo praticamente todo o percurso ajoelhado e, portanto, em desacordo com o critério da CBSUP, que permite no máximo dez remadas de joelhos ou deitado sobre a prancha. Ivan sagrou-se merecidamente vencedor da prova técnica e também da etapa (resultados gerais da etapa no final da matéria).

 

ELITE FEMININO

 

2471x1647
As mulheres da Elite mostraram muita atitude enfrentando um mar raivoso. Praia Mole Grand Slam, Race Técnica. Praia Mole, Florianópolis (SC). Foto: Luciano Meneghello.

 

 

O mar foi ficando cada vez maior e mais ameaçador e foi justamente nesse momento que a elite do SUP race feminino entrou na água, repetindo a sina de 2016, quando por uma “trágica” coincidência as mulheres enfrentaram o mar mais difícil de toda competição.

 

2134x1423
Aline Adisaka. Foto: Luciano Meneghello.

E foi uma prova dura. As ondas simplesmente não pararam de bombar. Aline Adisaka, no entanto, mostrando porque é considerada uma das melhores SUP surfistas do mundo e soube aguardar o momento certo para avançar ao outside com um sprint impressionante. Enquanto isso suas adversárias iam sendo literalmente massacradas pelas ondas, tentando superar as séries que não davam trégua.

 

Lena Guimarães, no entanto, após quase ser derrubada por uma espuma intermediária se recuperou e conseguiu chegar à boia do fundo. Já Aline Abad e Mara Prado optaram por abandonar a prova, exaustas. Ambas muito aplaudidas, pois realmente foram até o seu limite.

Enquanto isso, Aline Adisaka completava sua segunda volta rumo à vitória e Lena, segunda colocada, acabou ficando com seu leash preso à boia três, mais ao raso e a mais difícil de todas, passando um grande apuro. Mas logo em seguida Lena conseguiu se desvencilhar e avançou com o um foguete ao outside e o público foi ao delírio.

 

2337x1558
Jessika Moah e aplaudida por todos ao completar a prova. Praia Mole Grand Slam, Race Técnica. Praia Mole, Florianópolis (SC). Foto: Luciano Meneghello.

 

 

Nesse momento, Ariani Theopolio conseguiu vencer as ondas e completar sua primeira volta. Aline Adisaka cruzou a linha de chegada e Lena veio em seguida na segunda colocação.

E quando Ariani Theophilo concluiu a prova na terceira colocação, Jessika Moah, após lutar muito, finalmente conseguiu encontrar o ponto ideal para varar a arrebentação e seguir determinada a completar a prova mostrando muita garra e um espírito de superação que traduzem o que foi a prova de race técnico de domingo.

 

Moah conseguiu completar a prova e foi muito ovacionada, inclusive pelos atletas da elite, que fizeram questão de aguardar sua chegada e aplaudi-la antes do início da bateria final.

Com o resultado, Lena sagrou-se campeã da etapa (resultados gerais da etapa no final da matéria).

 

1703x1135
Caio Vaz e Marinho Cavaco botam pra baixo. Praia Mole Grand Slam, Race Técnica. Praia Mole, Florianópolis (SC). Foto: Luciano Meneghello.

 

ELITE MASCULINO

 

Largada Race Técnico Elite Masculino:

 

Mal o público teve tempo de se recuperar de tamanha carga de emoção proporcionada pelas disputas do feminino, foi a vez da elite do SUP race brasileiro entrar em ação. E a disputa, desde o início teve dois protagonistas de peso: Vinnicius Martins e Guilherme dos Reis, os primeiros a conseguir vencer a pesada arrebentação.

 

Vinnicius, no entanto, conseguiu surfar uma onda no retorno para o raso e concluir a primeira volta, deixando Guilherme para trás.

 

Mostrando muito controle de sua prancha e visão de mar, Martins conseguiu abrir boa vantagem e chegar rapidamente ao outside, enquanto isso, Guilherme foi varrido pela serie, mas logo em seguida conseguiu se recuperar e numa arrancada surpreendente, varou a arrebentação. Nesse momento, alguém que assistia à disputa disse: “Esse cara parece que levita na prancha!”, descrevendo a maneira como o atual campeão brasileiro escala as espumas.

 

Boia 3, a mais técnica das boias:

 

2592x1728
Vinnicius Martins. Foto: Luciano Meneghello.

Um segundo pelotão formado por Marcio Adriani, Lucas Belchior, Luiz Guida “Animal” e Antonio Gonzaga conseguiu alcançar a boia 3. Enquanto alguns seguiram reto até a areia, para correr alguns metros pela praia rumo à boia 4, outros tentaram contornar a boia 3. Melhor para quem correu pela praia, pois a chegada de uma nova série de ondas trouxe mais atletas e mais ondas. Resultado: uma verdadeira “maçaroca” de pranchas, atletas, remos e ondas em meio à boia mais técnica de todas.

 

Vinnius Martins, a essa hora, já remava firme para linha de chegada e chegou em grande estilo após surfar com muita técnica uma onda de tamanho considerável. Guilherme veio logo atrás para conquistar a segunda colocação da prova e o título do Praia Mole Grand Slam 2017. 

 

TOP 5 OVERALL PRAIA MOLE GRAND SLAM

 

SUP KIDS FEMININO

 

1. Rafaele Gonçalves

2. Janini Silva Guimarães

3. Julia Viana

 

SUP KIDS MASCULINO

 

1. Miguel Rassan Oliveira

2. Takeshi Oyama

3. Pedro Veiga

4. Guilherme Zanella

5. Roberson Rodrigues

 

SUP JUNIOR MASCULINO

 

1. Guilherme Cunha

2. Guilherme Thawire

3. Gabriel Ortis 

4. Robson Sapucaia

5. fabricio Rodrigues Souza

 

AMADOR OPEN 12'6" MASCULINO

 

1. Guilherme Cunha

2. Fabricio Rodrigues Souza

3. Lauro Barbeiro

4. Alex Durand

5. Odair Martins

 

AMADOR OPEN 12'6" FEMININO

 

1. Iris Azi

2. Paty Mesquita

3. Talita Silva

4. Marta Fonseca

5. Leticia Colombo

 

AMADOR OPEN 12'6" MASTER MASCULINO

 

1. Ricardo Waschitz

2. Odair Martins

3. Fernando Meinharcht

4. Tassius de Lima

5. Alessandro Caldas

 

AMADOR OPEN 12'6" MASTER FEMININO

 

1. Marta Fonseca

2. Adriana Cardoso Duarte

3. Leticia Colombo

4. Ehieger Branca

5. Marcia Cristina Crespo

 

AMADOR OPEN 12'6" SUPER MASTER MASCULINO

 

1. Roberto Morgado

2. Edson Oliveira

3. Rubens José 

 

AMADOR OPEN 12'6" SUPER MASTER FEMININO

 

1. Iris Azi

2. Claudia Mundim

 

FUN RACE MASCULINO

 

1. Jorge Henrique

2. Lucas Galant

3. Eduardo Finke

4. Willian Ribeiro

5. Alexandre Barcelos

 

FUN RACE FEMININO

 

1. Carine Aragão

2. Roseli Krepel

3. Rafaele Gonçalves

4. Isabela Cristina

 

14 PÉS MASCULINO

 

1. Bruno Torquato

2. Leonardo Rancich

3. Antonio Bonfá

 

14 PÉS MASTER MASCULINO

 

1. Leonardo Rancich

2. Antonio Bonfá

3. José Augusto de Carvalho

 

14 PÉS SUPER MASTER MASCULINO

 

1. Robson Mondelo

2. Ariovaldo de Oliveira

3. José Augusto de Carvalho

 

RACE PRO 12'6"  MASCULINO (ELITE)

 

1. Guilherme dos Reis

2. Vinnicius Martins

3. Marinho Cavaco

4. Marcio Adriani

5. Luiz Guida "Animal"

 

RACE PRO 12'6"  FEMININO (ELITE)

 

1. Lena Guimarães

2. Ariani Theophilo

3. Babi Brazil

4. Jessika Moah

5. Aline Adisaka

 

RACE PRO 12'6" MASTER MASCULINO

 

1. Bruno Pitanga

2. Alex Araujo

3. Alessandro Matero

4. Alexandre Issami

5. Luciano Doria

 

RACE PRO 12'6" MASTER FEMININO

 

1. Babi Brazil

2. Aline Abad

3. Mara Prado

 

RACE PRO 12'6" SUPER MASTER MASCULINO

 

1. Ivan Mundim

2. Vicente Lima de Sá

3. Rubens Pedro Vieira

4. Marcelo Cruz

5. Jorge Mario Lino Villas-Boas

 

Os resultados completos serão divulagos nos próximos dias no site da CBSUP.

 

MATÉRIAS RELACIONADAS

 

Galeria de imagens do Brasileiro de SUP - Longa Distância

 

Vinnicius Martins e Aline Adisaka vencem no Race Técnico

 

Guilherme e Lena largam na frente

 

Caio Vaz e Aline Adisaka vencem em Floripa

 

Praia Mole Grand Slam - Dia 01

 

 

Veja também
Competições de SUP

Competições de SUP

Neutrox Weekend

Competições de SUP

Competições de SUP

Lena Guimarães vence a 11 City Tour

CBSUP

CBSUP

Galeria de imagens do Avaré Water Festival

CBSUP

CBSUP

Guilherme dos Reis e Ariani Theóphilo vencem em Avaré

Competições

Competições

Aloha Spirit 2018

Mundial da ISA

Mundial da ISA

A chegada do campeão

CBSUP

CBSUP

Inscrições para o Brasileiro de SUP Race encerram-se dia 14

Competições de SUP

Competições de SUP

3º Sifla SUP Race Festival

ISA WSUPPC

ISA WSUPPC

Mundial da ISA Dia 07 | Finais

ISA WSUPPC

ISA WSUPPC

Mundial da ISA Dia 06 | Finais Race Técnico

ISA WSUPPC

ISA WSUPPC

Mundial da ISA Dia 05 | SUP Wave

ISA WSUPPC

ISA WSUPPC

Luiz Diniz é ouro!

ISA WSUPPC

ISA WSUPPC

Mundial da ISA Dia 04 | SUP Wave

ISA WSUPPC

ISA WSUPPC

Mundial da ISA Dia 03 | Race Técnico

SUP Wave

SUP Wave

Vitória em dose dupla de Leco Salazar

ISA WSUPPC

ISA WSUPPC

Mundial da ISA Dia 02 | Sprint Race