MENU COMPETIÇÕES GUIA WAVESCHECK
CBSUP
Brasileiro de SUP Race na reta final
Por Redação SupClub em 05/11/17
Quinta e decisiva etapa do circuito brasileiro de Race chega à Campo Grande para definir os campeões brasileiros de 2017. Saiba mais.
710x403
Lena Guimarães e Guilherme dos Reis lideram o ranking nacional, porém não terão vida fácil em Campo Grande (MS). Foto: Claudia Pegoraro.

 

Caberá a Campo Grande (MS) o papel de encerrar o circuito brasileiro de SUP Race neste mês de novembro. A etapa decisiva, que irá definir o remador e a remadora de stand up paddle do Brasil será realizada no dia 18, no novembro no Lago do Parque das Nações Indígenas, dentro de uma das áreas mais verdes da capital sul-mato-grossense.

 

A prova, que fará parte da primeira edição dos Jogos Radicais Urbanos, um evento de abrangência nacional e ocorrerá em alguns dos pontos turísticos mais belos e mais visitados da cidade, será realizada dentro do formato "Sprint Olímpico".

 

Neste modelo de prova, os remadores irão competir em baterias definidas por chaves em provas curtas, em uma raia de 200 metros, onde os primeiros colocados se classificam para as fases seguintes até a grande final.

 

Na categoria Profissional 12’6”, onde se encontram os remadores de elite, três atletas tem chances reais de conquistar o título, tanto entre os homens, como entre as mulheres.

 

Guilherme dos Reis (SP) e Lena Guimarães (RJ) chegam à Campo Grande na condição de líderes do circuito e são favoritos ao título. No entanto, Luiz Guida (SP) e Arthur Santacreu (SP), respectivamente, segundo e terceiro colocados no ranking, tem chances reais conquistar o título e podem estragar a festa de Guilherme se alcançarem um bom resultado na prova.

 

1200x800
Medalha de bronze no Mundial de Sprint da ISA, Arthur Santracreu será o competidor mais perigoso entre os profissionais. SUP Foto: ISA / Sean Evans .

 

 

Deve-se levar em consideração que Arthur é um especialista neste tipo de prova, tendo conquistado a terceira colocação no Mundial da categoria realizado este ano, na Dinamarca.

 

Já entre as mulheres, Lena tem um pouco mais de vantagem sobre suas adversárias diretas: Babi Brazil (BA) e Ariani Theophilo (RJ), mas não pode contar com a sorte. Outro fator que pode ser uma pedra no sapato de Lena será a participação de Aline Adisaka (SP), atleta profissional de SUP Wave (bi campeã brasileira) que é uma especialista em provas de Sprint, com um título em uma prova individual realizada em 2015, em Foz do Iguaçu (PR).

 

A prova terá um status "4 estrelas", oferecendo R$ 20.000,00 em premiação e definirá os campeões brasileiros em todas as demais categorias profissionais e amadoras.

 

Para mais informações e aviso de regatas acesse o site da CBSUP.

 

CALENDÁRIO DE EVENTOS SUPCLUB

 

Saiba antes e fique por dentro das próximas competições e eventos nacionais acessando nosso calendário de eventos de SUP, Va’a e Paddleboard - Clique aqui.

Veja também
Paddle League

Paddle League

Vem ai mais um circuito mundial de SUP Race

APP World Tour

APP World Tour

APP World Tour define tamanhos de pranchas para o circuito em 2018

Competições

Competições

Vem ai a Rei de Búzios 2018

Competições de SUP

Competições de SUP

Elite feminino vai de 14 pés na Carolina Cup 2018

PASA 2017

PASA 2017

Caio leva o ouro e Brasil termina com a prata

PASA 2017

PASA 2017

Brasil rumo ao ouro Pan-Americano

PASA 2017

PASA 2017

SUP Race garante 4 medalhas para o Brasil

Cearense de SUP Wave

Cearense de SUP Wave

Festival Barong Surf Club agita Fortaleza

Mundial da ISA

Mundial da ISA

Mundial da ISA será no Brasil em 2018

Competições

Competições

Lucas Medeiros vence o Washed by the Sea Challenge II

Competições

Competições

Panamericano de Surfe e SUP

Canoagem Onda

Canoagem Onda

Sul-americano de Waveski

CBSUP

CBSUP

Galeria de imagens do IWC 2017

CBSUP

CBSUP

IWC encerra circuito brasileiro com show de SUP Wave

CBSUP

CBSUP

Brasileiro de SUP Wave chega à reta final

Competições

Competições

Aloha Spirit do Leme ao Pontal está de volta