MENU COMPETIÇÕES GUIA WAVESCHECK
Yukon 1000
Desafio casca grossa
Por Alex Araujo em 06/08/18
Bart e Ike cruzaram a linha para vencer o Yukon 1000, uma corrida em um dos territórios mais remotos do planeta.
635x588
Yukon 1000. Foto: Instagram

 

Enquanto remadores estavam nas margens do Molokai no dia 29 de julho, se preparanado para umas das mais desafiadoras provas de downwind do mundo, Bart de Zwart e Ike Frans estavam dando suas últimas remadas em um  percurso menos lendário, mas muito mais difícil.


No domingo de manhã no Alasca, apenas 45 minutos antes do início de Molokai2Oahu, Bart e Ike cruzaram a linha para vencer o Yukon 1000, uma corrida em um dos territórios mais remotos do planeta.

645x482
Mapa do Percurso, Yukon 1000. Foto:Instagram

 

A prova tem um rigoroso processo de seleção para garantir que apenas remadores experientes estejam na linha de largada. Se algo der errado lá fora, você está praticamente perdido.

Após 8 dias, 1 hora e 42 minutos, Bart e Ike finalizaram a corrida de canoa mais longa do mundo, uma aventura épica de 1609 km que se estende do território de Yukon, no Canadá, através da fronteira dos EUA até o Alasca. A corrida é um teste extraordinário de força física e mental, já que os competidores remam 18 horas por dia com quase zero interação humana, exceto pelo seu único companheiro de equipe.

645x432
Bart de Zwart, Yukon 1000 Foto: Divulgalção.

 

Alimentção, troca de equipamentos, não é permitido após o começo da prova, ou seja, todos os alimentos, equipamentos de camping e equipamentos de segurançacom uma  lista de verificação obrigatória é de 33 itens ,deve ser levada a bordo do início ao fim. Em uma canoa levar estes suprimentos não parece ser uma tarefa difícil, mas em uma prancha de stand up paddle o peso faz uma grande diferença.

A navegação da prova é feita de papel e lápis através de uma série confusa de reviravoltas, curvas e ilhas nos últimos trechos do rio, o estresse de ter que encontrar um local de acampamento livre de urso nas margens do rio no meio da noite.

638x587
Yukon 1000. Foto:Instagram

 

As regras desta corrida são bastante simples:A prova começa na cidade de Whitehorse e reme 1000 milhas até a ponte Dalton Highway Bridge o mais rápido que puder. Todas as equipes devem competir em pares, o que é relativamente simples em uma canoa de duas pessoas, mas significa que os remadores de stand-up têm que remar lado-a-lado por uma semana consecutiva. Para garantir que ninguém se esforce muito , os competidores devem estar fora da água entre as 23h e as 5h para ter seu descanso obrigatório. Isso faz um máximo de 18 horas de remada por dia, e enquanto isso é mais do que apenas uma corrida, o Yukon 1000 ainda é uma corrida, o que significa que a maioria das equipes levaria o mínimo de 6 horas de descanso e passaria o resto do dia Remando.

Bart relatou em seu instagram  que eles tentaram maximizar as suas 18 horas todos os dias e nunca perderam mais do que 45 minutos parados, ou em outras palavras: 17-18 horas de remo por dia, todos os dias, por mais de uma semana., dormindo 4 horas por noite.

645x432
Yukon 1000 Foto: Instagram

 

Bart e Ike não foram os únicos remadores a competir a prova de SUP. O percurso foi feito pela primeira vez pelos organizadores de Chattajack Ben Friberg e Kim Sutton em 2014 como um teste apenas para ver se era possível. Este é o primeiro ano em que remadores oficialmente foram autorizados a competir, com três equipes aceitando o desafio: Team Starboard (Bart e Ike), CocoPlum Navy (Scott Baste e Chip Walter da Flórida) e o apropriadamente chamado “Extremely Insane SUPMADKIWI ”(Tony Bain e Alex de Saint).

 

A prova de canoa OC-2 foi vencida pela equipe de Ian Hunstsman e Wendy Riach com o tempo de 6 dias, 13 horas.

Veja também
Gran Canaria Pro

Gran Canaria Pro

Assista ao vivo!

Gran Canaria Pro

Gran Canaria Pro

Brasileiros seguem na disputa

Leitura Dinãmica

Leitura Dinãmica

Companhias aéreas x usuários

Gran Canaria Pro

Gran Canaria Pro

Festa Brazuza

Gran Canaria Pro

Gran Canaria Pro

Assista ao vivo!

Gran Canaria Pro

Gran Canaria Pro

Boletim Day #2

Gran Canaria Pro

Gran Canaria Pro

Red Bull Expression Session

Gran Canaria Pro

Gran Canaria Pro

Boletim day #1

Gran Canaria Pro

Gran Canaria Pro

Leco bota pressão

Canarian Sup Race

Canarian Sup Race

APP World Tour apoia evento.

Gran Canaria Pro

Gran Canaria Pro

Tops já estão nas Canárias

Paris SUP Open

Paris SUP Open

Arthur Arutkin e Shae Foudy garantem o título 2018 da APP World Tour.

Por dentro do Tour

Por dentro do Tour

O mundo de olho nas Canárias

Pan-Americano de Surf e SUP 2018

Pan-Americano de Surf e SUP 2018

Diniz é prata em Punta Rocas

Pan-Americano de SUP 2018

Pan-Americano de SUP 2018

Lena e Vinni garantem vaga

Yatch Sup Race

Yatch Sup Race

Etapa definiu os campeões