MENU COMPETIÇÕES GUIA WAVESCHECK
Pan-Americano de Surf e SUP 2018
Diniz é prata em Punta Rocas
Por Alex Araujo em 08/12/18
Luiz Diniz, Nicole Pacelli, Caio Vaz e Vinni Martins garantem o pódio no Pan-Americano e o Brasil fica em segundo lugar na competição.
671x444
Giorgio Gomez campeão do Sup surf no Pan-Americano de SUP 2018 Foto: Latin Wave

 

Hoje o dia foi bem positivo para o SUP brasileiro no pico de Punta Rocas onde aconteceu o Pan-Americano de Surf e SUP 2018.

Em ondas de 4 pés e boa formação entraram na água as disputas da semifinal da categoria masculino e feminino da competição.

SEMIFINAL FEMININO

A primeira bateria entrou na água com a brasileira Aline Adisaka buscando uma vaga para a final contra a peruana Brissa Malaga e a colombiana Izzy Gomez.

Izzy começou bem forte a bateria fazendo boas manobras em uma direita da série, conseguindo um bom score iniciando a liderança na bateria. Logo na sequência a peruana Brissa Malaga pegou uma boa esquerda e assumiu a segunda colocação na bateria.

Aline que apresentou um bom surf nos outros rounds não conseguiu achar boas ondas nesta bateria e terminou a competição na terceira colocação se despedindo do evento.

Izzy Gomez ainda teve tempo de fazer mais um bom score em sua segunda onda e venceu a disputa garantindo vaga para a grande final seguida por Brissa Malaga em segundo lugar, que fez a festa da torcida peruana na praia.

Na segunda bateria tivemos nossa bicampeã mundial Nicole Pacelli que enfrentou a peruana Vania Torres e a surfista de El Salvador Josselyn Alabi. Nicole começou com força total e conseguiu pegar uma boa direita da série arrancando um 7.60 dos juízes. A brasileira dominou praticamente toda a bateria e faltando uns 8 minutos para o final a atleta conseguiu mais uma boa direita onde desferiu duas boas manobras bem no “pocket” da onda arrancando um high score dos juízes um 8.33 arrematando a fatura avançando para a grande final do evento.

Na segunda colocação para esquentar ainda mais a festa peruana, ficou a atleta local Vania Torres que junto com sua compatriota Brissa Malaga fizeram a dobradinha peruana na final da competição.

SEMIFINAL MASCULINO

 

A primeira semifinal a entrar na água foi com o colombiano Giorgio Gomez, o norte americano Daniel Hughes, e os irmãos canadenses Finn Spencer e Jeffrey Spencer.

Giorgio dominou toda a bateria e garantiu lugar na grande final seguido pelo pequeno canadense Finn Spencer que mostrou muita radicalidade e segue representando seu país na final.

Na segunda bateria do dia tivemos a presença dos brasileiros Luiz Diniz e Caio Vaz, enfrentando o norte-americano Zane Schweitzer e o local peruano Tamil Martino.

Diniz abriu a série e já deu as cartas com uma nota altíssima em uma boa esquerda onde arrancou um 8.50 dos juízes e subiu para a liderança da bateria.

 

Caio Vaz logo na sequencia pegou uma boa esquerda onde conseguiu uma nota 6,0 e começou a construir seu score assumindo a segunda posição na bateria.

Os brasileiros sobraram na bateria e não deram chance aos seus adversários, Zane até chegou a fazer uma interferência no brasileiro Caio Vaz. Mas este episódio não alterou em nada o resultado, pois logo na sequência Luiz Diniz desceu uma direita onde literalmente destruiu a onda e arrancou um 8.50 dos juízes garantindo a primeira posição e a vaga para a grande final.

Logo atrás Caio também pegou uma esquerda e arrematou a fatura tirando um 6.17 garantindo vaga e a dobradinha brasileira na grande final.

 

FINAL SUP WAVE MASCULINO

3456x3456
Luiz diniz e Caio Vaz dobradinha brasileira no Pan-Americano 2018 Foto: SupClub

 

Na grande final tivemos os melhores atletas da competição, Caio Vaz, Luiz Diniz, Finn Spencer e Giorgio Gomez.


A bateria foi disputada onda a onda com os atletas dando um show de surf e radicalidade.

Luiz Diniz e Caio Vaz foram botando pressão na bateria, e chegaram a alternar a primeira e segunda posição na bateria, mas o colombiano Giorgio Gomez estava bem conectado com as ondas de Punta Rocas e conseguiu abrir sua disputa com uma boa onda e passou a ameaçar a festa brasileira.

Luiz e Caio vinham surfando muito, mas não foi suficiente para segurar o colombiano que na sua última onda conseguiu um 6.63 dos juízes e avançou para a primeira posição na bateria levando a medalha de ouro para a Colômbia um feito nunca conquistado para o país.

Caio que também pegou uma boa onda faltando poucos instantes para o final, arrancou um 7.00 dos juízes, mas não foi suficiente para tirar a vitória de Giorgio.

Na segunda colocação da bateria ficou o guarujaense Luiz Diniz que já tinha vaga garantida no Pan 2019 por ter vencido o mundial da ISA na China e na quarta colocação da bateria ficou o canadense radicado em Maui Finn Spencer.

RESULTADOS DA FINAL:

1-Giorgio Gomes

2-Luiz Diniz

3-Caio Vaz

4-Finn Spencer

 

FINAL SUP WAVE FEMININO

 

3456x3456
Nicole garante o pódio na terceria coloação do Pan-Americano de SUP 2018 Foto: SupClub

 

Na final do supwave feminino tivemos a disputa entre as peruanas Brissa malaga, Vania Torres, a brasileira Nicole Pacelli e a colombiana Izzy Gomez.

 

As peruanas começaram a bateria abrindo as primeiras notas, embora pouco expressivas passaram a liderar a disputa.

 

A brasileira Nicole Pacelli conseguiu achar umas duas primeiras ondas e passou a segunda colocação da disputa.

 

A colombiana Izzy Gomez demorou muito para se conectar com o mar nesta final, mas quando veio a primeira onda ela não desperdiçou a chance e com manobras bem radicais explorando bem o lip da onda arrancou um 5.07 dos juízes e passou a precisar de uma onda mediana para assumir a ponta da disputa.

 

Faltando 1 minuto para o termino da bateria a colombiana teve a frieza de arriscar tudo em uma esquerda e com um 6.83 virou a bateria e se consagrou campeã do Pan-Americano de SUP e Surf, como seu irmão Giorgio dando mais um título inédito para a Colômbia.

Na segunda posição e com a vaga garantida para o Pan 2019 ficou a peruana Vania Torres e na terceira colocação e a brasileira Nicole Pacelli que garante sua vaga para o evento em 2019.

 

RESULTADOS DA FINAL:

1- Izzy Gomes
2-Vania Torres
3- Nicole Pacelli
4- Brissa Malaga

 

Ranking geral das equipes do Pan-Americano de Surf e Sup 2018


1- Peru
2-Brasil
3- Argentina
4-Costa Rica
5-EUA

 

Aguardem a matéria completa sobra o balanço de tudo o que rolou em Puta Rocas nos próximos dias.

Veja também
Molokabra

Molokabra

Tudo pronto em Fortaleza

Itapuma Surf e Sup Festival

Itapuma Surf e Sup Festival

Hermano Victor sai na frente

Realce Nordeste Itapuama Festival

Realce Nordeste Itapuama Festival

Nordestino de SUP Wave

CBSUP

CBSUP

Jogos Radicais Urbanos 2019

Jogos Pan-Americanos

Jogos Pan-Americanos

Em busca da medalha

CBSUP

CBSUP

Entidade divulga Ranking 2019

Brasileiro de SUP Race

Brasileiro de SUP Race

Condições difíceis marcam a segunda etapa

Brasileiro de SUP Race

Brasileiro de SUP Race

Brasília pronta para receber evento

Circuito Baiano de Sup Race

Circuito Baiano de Sup Race

41º Regata Marcílio Dias

SUP World

SUP World

Red Paddle Dragon

Desafio Ecoporan

Desafio Ecoporan

Atletas dão show nas águas de Itacaré

Euro Tour

Euro Tour

Vinni Marrins é terceiro na Espanha

ISA & APP World Tour

ISA & APP World Tour

Parceria de Sucesso

Row To Win

Row To Win

Festival de Alma Salgada

London SUP Open

London SUP Open

Nova geração domina a etapa

CBSUP

CBSUP

Brasília é palco da segunda etapa