MENU COMPETIÇÕES GUIA WAVESCHECK
Entrevistas
SUP Entrevista - Miguel Nobre
Por Luciano Meneghello em 16/12/16
Prestes a encerrar sua gestão à frente da Associação de SUP do Ceará (ASUP-Ce), o atual presidente da entidade, Miguel nobre, bate um papo com nosso editor. Confira a entrevista.
960x640
Durante o evento em Jericoacoara (Miguel é o 2º da esq. para dir.), uma das maiores realizações da ASUP-Ce em 2016. Foto: Arquivo pessoal.

 

Em um ano de crise econômica e pouco investimento no stand up paddle, alguns estados conseguiram se destacar pela atuação de suas associações. Entre eles, o Ceará, que realizou um circuito estadual bem sucedido além de uma séria de atividades como remadões e cursos voltados à cultura SUP. Prestes a encerrar sua gestão à frente da associação de SUP do Ceará (ASUP-Ce), o atual presidente, Miguel nobre, bate um papo com nosso editor onde fala um pouco sobre sua trajetória frente à entidade.

 

Quanto tempo durou sua gestão?

 

Foram mais de dois anos de atividade. Nesse período fiz o melhor que pude e tive a felicidade de ter ao meu lado verdadeiros irmãos, pessoas que serei eternamente grato. Tenho a obrigação de citar nomes e alguns seguirão no lado esquerdo do meu peito, no meu coração.

 

Primeiramente, meu Vice-presidente Eduardo Gondim (in memória) que sempre apoiava antes, durante e depois dos eventos, conselheiro, amigo, quando algo dava errado e ninguém percebia, sabia como ninguém tornar o erro engraçado (risos). Você faz falta aqui, descanse em paz meu irmão!

 

Nosso Incansável Diretor Técnico, Carlos leite, Diretor Tesoureiro, Henrique Neli, o melhor presente que minha gestão ganhou em 2016, Dr. Marcos José (Diretor Jurídico) além de um atleta máster extraordinário e um cara que sempre orientou minha gestão para fazer o certo.

 

Nos bastidores teve um atleta que ajudou demais minha gestão, o amigo Flávio Ramalho, que sentiu e viveu na pele o que passei, sempre com uma ideia e uma palavra amiga! Flavinho você sempre terá o meu respeito por tudo que fez e fará pelo SUP Cearense. Pra finalizar, muitos nomes tenho em mente! Infelizmente não poderei citar todos, mas tem um guerreiro que seria injusto não citar: Paulo Marcello, que sempre apoiou a ASUP-Ce, Sempre estava à disposição para ajudar e tem muito a contribuir com o Stand Up paddle Cearense! Aloha Paulo Marcello! Atletas, Instrutores e praticantes meu muito obrigado de coração, sem vocês nada do que vivemos seria possível.

 

Quais foram as maiores conquistas da ASUP Ce durante esse período?

 

Primeiramente, reativar a categoria Profissional SUP Race 12’6” no Circuito Cearense de 2015. Essa foi uma conquista enorme, pois é muito mais complicado organizar uma categoria profissional, mas, também, muito gratificante colocar o esporte em um patamar profissional.

 

Ainda nessa seara competitiva, destaco a etapa de nosso Circuito que fizemos em Jericoacoara. Foram dois dias incríveis e que ficarão para sempre em minha memória!

 

Também é importante ressaltar que atuamos na organização do esporte aqui no Ceará fazendo parcerias com a (ISA) International Surfing Association, onde realizamos clínicas para instrutores de SUP voltadas para atletas e praticantes.

 

960x640
Miguel Nobre fazendo a atividade que mais gosta. Foto: Arquivo pessoal.

 

Qual o maior desafio para promover o SUP no estado do Ceará?

 

Acho que o desafio é mesmo em praticamente todos os estados: a falta de apoio dos órgãos públicos e patrocínios.

 

No entanto, nossa determinação e credibilidade conquistada com nosso trabalho fizeram empresas simples apoiarem e patrocinarem nossos eventos.

 

Em 2015 foram cinco etapas de SUP Race, quatro etapas de SUP Wave, três SUP Passeios, dois Cursos da ISA, dois cursos de árbitros, palestras em diversas escolas, faculdades, entrevistas em rádios, emissoras de TV.

 

Em 2016, em pela crise política e econômica no Brasil, conseguimos viabilizar três etapas de SUP Race, um curso de salvamento (Surf Salva), reunimos a maior delegação do Nordeste em uma etapa do circuito Brasileiro Race (em Itacimirim, Camaçari, BA), onde 13 atletas e um fotógrafo nos representaram.

 

2016 foi um ano muito difícil para o SUP Wave, além de uma temporada fraca de ondas, não conseguimos patrocinadores, inviabilizando realizar o circuito de 2016.

 

O que fazer para trazer o Circuito Brasileiro de volta para o Ceará?     

 

Considero uma missão possível, que será realizada através da unidade entre praticantes, gestores e apoiadores comprometidos com o Stand Up Paddle, basta unir esforços que este sonho será realidade. 

 

900x585
Miguel Nobre. à esq., durante cerimônia ao lado de Flavio Ramalho e Henrique Steindorfer. Foto: Arquivo pessoal.

 

Que legado a ASUP Ce deixa para as próximas administrações?   

 

Está pergunta respondo lembrando as palavras do nosso vice–presidente Eduardo Martins Gondim, Nosso Eterno Dudu:

 

O Stand Up Paddle é um esporte para fazer as pessoas felizes! Se todos saíram dos passeios ou competições com essa sensação, algo importante foi feito. Está ai o maior benefício desse esporte. A amizade, o companheirismo. Este será então o nosso legado.

 

Estou entregando aos novos diretores a ASUP-Ce, muito melhor que recebi em diversos aspectos, estarei dentro de minha condição pronto para ajudar nos bastidores, tenho para os próximos anos projetos pessoais, profissionais e uma certeza: continuar remando muito!

 

Resta agradecer a todos que participaram desta remada que transformou minha vida! Muito obrigado a todos!  Vida que segue...

 

416x225
Luciano Meneghello é editor chefe e fundador do site SupClub. Foto: Reprodução.

 

Veja também
Perfil SUP Race

Perfil SUP Race

Ela é Bárbara!

Perfil SUP Race

Perfil SUP Race

O 'Animal' está de volta

Padleboard Entrevista

Padleboard Entrevista

Patrick Winkler na expectativa da M2O

Alzair Russo

Alzair Russo

A vida entre pranchas e treinos

Entrevistas

Entrevistas

Planos de 2017 para Americo & Lena

Perfil

Perfil

Perfil – Tristan Boxford

Entrevistas

Entrevistas

Entrevista - Guilherme dos Reis

Perfil

Perfil

Kauan Terra agradece 2016

Entrevistas

Entrevistas

SUP Entrevista - Lena Guimarães

Mundial de SUP

Mundial de SUP

SUP Entrevista - Caio Vaz

Atletas

Atletas

SUP Perfil – Eri Tenório

Entrevista

Entrevista

SUP Entrevista - Mauricio Thompson

Atletas

Atletas

SUP Entrevista - Paty Mesquita

Perfil

Perfil

Kauan Terra

SUP Wave

SUP Wave

Entrevista - Tom Carroll