MENU COMPETIÇÕES GUIA WAVESCHECK
Leitura Dinâmica
Brasil em evolução
Por Alex Araujo em 08/11/18
Esta semana conversamos com o presidente da CBSURF Adalvo Argolo e o vice-presidente da CBSUP Zé Augusto para entender como o SUP está sendo abordado na entidade.
1200x900
Equipe Brasileira prata nos jogos Pan-Americanos de 2017: Divulgação.

 

Este ano os atletas de SUP que foram convocados para o PASA Games 2018, tiveram uma grata surpresa ao saber que a CBSURF (Confederação Brasileira de Surf), com muito esforço e trabalho de seus dirigentes, conseguiram uma cota do comitê olímpico para arcar com todos os custos da viagem relacionados ao evento.

Em conversa com Adalvo Argolo presidente da CBSURF e José Augusto representante da CBSURF na modalidade SUP e vice-presidente da CBSUP, eles me relataram um pouco de como foi esta vitória para a entidade.

SUPCLUB: A CBS irá contemplar todos os custos dos atletas para o PASA?

ADALVO ARGOLO: Estas modalidades que não são olímpicas a gente não tem verba direta do COB para se trabalhar. Desde 2017 a meados de junho deste ano eu tive um embate muito grande com o COB, que nós deveríamos também contemplar estas modalidades, pois estaríamos no Pan-americano, e o alinhamento primeiro do COB é que eles não iriam liberar verba para modalidades que não contemplam o pacote olímpico. Este embate foi muito bom e nos deu notoriedade para levar estes times. Este evento da PASA é o primeiro que nós vamos mostrar esta modalidade ao Comitê Olímpico, por isso a importância de levar um time forte para que a gente traga medalhas e mostre nossa força na modalidade. Não foi uma proposta fácil e barata, mas conseguimos realizar com êxito o objetivo de levar não somente o SUP, mas também o longboard.

800x510
Adalvo Argolo: Divulgação.

 

SUPCLUB: Sobre o mundial da ISA na China a CBSURF, também irá contribuir de alguma forma para os atletas?

 

ADALVO ARGOLO: Em relação a China, nós não temos vinculo nenhum, pois não é uma competição classificatória, então o COB não tem como pagar estes custos diretamente, e também o COB se restringiu a dizer qual o evento fosse mais importante para o Brasil em relação a classificação, e o PASA foi colocado como prioridade, pois vai se classificar  os times todo, então o caminho classificatório é bem mais simples pelo PASA.

Deixando bem claro que todos estes custos são pagos pela CBSURF (Confederação Brasileira de Surf), estas verbas são direcionadas ao COB que obrigatoriamente tem que nós repassar, para que se faça o alinhamento com estes jogos.

SUPCLUB: Está decisão já é uma grande evolução para a modalidade junto a CBSURF, comente um pouco de como está sendo vislumbrado o SUP pela entidade:

ZÉ AUGUSTO: A CBSURF desde o primeiro mundial do ISA Games em 2012 no Peru criou uma carteira de SUP com o intuito de levar os melhores atletas para representar o Brasil.

CBSURF e CBSUP nesses anos estão realizando seletivas e eventos com alto nível técnico formando o ranking de atletas que estão trazendo excelentes resultados.

Nota do Editor:

De tudo isso o certo é que o SUP vem ganhando carona no sucesso do Surf e se atletas, dirigentes e todos envolvidos forem inteligentes, trabalharem sério e terem um posicionamento profissional, o esporte tem muito a ganhar e terá seu valor devido no Brasil, pois em outros países como o Peru por exemplo isso já acontece há muito tempo.

Lembrando que junto deste reconhecimento, virá também uma cobrança na conduta e no profissionalismo dos atletas, não só no sentido de ser um bom remador, mas sim de ser um exemplo a ser seguido com suas ações e posicionamentos.

O Pan-Americano acontece entre os dias 03 e 09 de dezembro na famosa e mítica onda de Punta Rocas, no Balneário de Punta Hermosa, Peru.


EQUIPE BRASILEIRA:

 

SUP RACE

 

Lena Ribeiro 

Moah Jessika

Luiz Carlos Guida

Vinnicius Martins 

 

SUP WAVE

Caio Vaz 

Luiz Diniz 

Nicole Pacelli 

Aline Adisaka 

 

Veja também
Mar Egeu

Mar Egeu

Aegean Classics

Maverikcs

Maverikcs

Outro lado da fera

Cloudbreak

Cloudbreak

Keahi de Aboitiz

Jorge Vicente

Jorge Vicente

Shaper falece no Sul

Recife artificial

Recife artificial

Projeto avança em Maricá

Big SUP

Big SUP

Diversão em Makaha

Wipeout of the Year

Wipeout of the Year

Caio Vaz entra na disputa

Deep Blue

Deep Blue

Gigante cruza o Havaí

Litoral brasileiro

Litoral brasileiro

As ondas mais raras

Noah Pronk

Noah Pronk

Parafina ecológica

Tubarão Touro

Tubarão Touro

Animal é capturado

CBSurf

CBSurf

Briga pelo comando

Hawaii

Hawaii

SUP nas big waves

Litígio na CBSurf

Litígio na CBSurf

Atletas assinam manifesto

Cultura protegida

Cultura protegida

Bobo Gallagher

Tubarão branco

Tubarão branco

Ataque na Califórnia