MENU COMPETIÇÕES GUIA WAVESCHECK
SupClub
Descobrindo os segredos de Uspallata
Por Redação SupClub em 19/08/14
Andre Torelly descobre no coração dos Andes um paraíso do SUP.
Andre Torelly, Uspallata, Chile. Foto: Arquivo pessoal
Andre Torelly, Uspallata, Chile. Foto: Arquivo pessoal

Por André Torelly

Quando fui de carro rumo ao Chile, em meu projeto 1 Remo uma Busca, acabei passando por uma cidade mágica chamada Uspallata, um pequeno povoado localizado no coração dos Andes, a 110 km de Mendoza, na Argentina e a 240 km de Santiago do Chile. A cidade é muito conhecida por causa do turismo de aventura. O frio é constante o ano todo, com mínimo de -2º graus e máxima de 14º graus, mas, com uma roupa adequada, você não passa tanto frio, nem dentro e nem fora d'agua.

Minha ideia inicial era fazer uma parada para dormir e descansar, para depois seguir viagem rumo ao Chile, porém, aos poucos fui conhecendo o pequeno povoado e acabei descobrindo o Rio Mendoza, uma corredeira que corta a Cordilheira dos Andes, então fui atrás de informações sobre esterio.

O dono do Hostel em que fiquei hospedado, o Nico, é filho do propietário de uma das maiores empresas de rafting da região e conhecedor profundo do local. Ele fez todo o suporte para minha descida.

No rio Mendoza, existem descidas de 8 km, 15 km e até 25 km, o rio tem como foco turístico o rafting. Mesmo que eu tenha sido o primeiro a descer com um SUP essas corredeiras nos Andes, acredito que em pouco tempo o Stand upPaddle, também será um importante atrativo turístico, pois a região oferece os ingredientes perfeitos para quem procura aventura em uma SUP trip.

Escolhi o percurso de 8 km, passando por pontos em que pude descer sozinho e com segurança. O rio Mendoza é perfeito para o river SUP. Chega a oferecer até classe 4 em uma descida, que é um nível que exige bastante habilidade. Porém, na maior parte do ano as águas são tranquilas, mas, mesmo assim, possibilitam descidas emocionantes.

Quando cheguei no final do percurso, quase não acreditei no que encontrei: o rio desemboca no lago Potrerillos, um local perfeito para uma remada tranquila, com água é cristalina. Uma série de atrativos que fizeram dessa uma viagem especial. Isso sem esquecer de mencionar a incrível exeperiência de remar com a energia da Cordilheira dos Andes bem ao meu lado.

Dicas de valores de Uspallata

Hostel: US$10 a diária.

Hotéis: de US$40 a US$60 a diária.

Alimentação: de US$4 a US$20 por pessoa em restaurantes.

River Sup: Procure empresas de Rafting para fazer o seu suporte de segurança, uma dica e procurar Nico no HostelSamadhi, pois ele auxiliará e dará estrutura necessária para a descida.

Suprace: Na cidade de Potrerillos, existe o término da corredeira do Rio Mendoza, onde se forma uma bacia perfeita para remadas, com um visual incrível da Cordilheira dos Andes. O local tem fácil acesso e pode estacionar na margem do Rio.

Na edição da Revista Stand up #10, que se encontra nas bancas, você pode ver mais fotos e a matéria completa deste lugar mágico.

 

Veja também
SupClub

SupClub

Uma esquerda chamada Pavones

SupClub

SupClub

Um ano na busca

SupClub

SupClub

Galeria de imagens de SUP em Bototito

SupClub

SupClub

Um pequeno povoado chamado Bototito

SupClub

SupClub

De SUP e mochila pelo Equador

SupClub

SupClub

La Ruta 9 - Uruguay

SupClub

SupClub

1 remo e uma busca no Chile

SupClub

SupClub

1 Remo e uma Busca na Costa Rica:

SupClub

SupClub

Aventuras no Velho Mundo

SupClub

SupClub

No fim do mundo

SupClub

SupClub

Coluna Ultra Paddle Run: Vola à Ilha do Mel

SupClub

SupClub

Ultra Paddle Run