MENU COMPETIÇÕES GUIA WAVESCHECK
VA'A
Brasil faz história em Mundial de canoa polinésia
Por Redação SupClub em 25/08/19
Na Austrália, delegação brasileira conquistou duas medalhas, uma inédita de ouro e outra de bronze, e terminou na sexta colocação geral

 

960x500
Paulão remando em sua prova Foto: MGL

 

O Brasil tem motivos de sobra para comemorar a participação de sua delegação no Mundial Va’a Longa Distância. Realizado na Baía de Mooloolaba, em Queensland, Austrália, o campeonato reuniu a nata da canoagem, e dois brasileiros garantiram lugar no pódio, resultado histórico para o país na competição. Com os feitos, o Brasil conquistou a sexta colocação no quadro geral de medalhas, notável na recente história da modalidade no país.

 

No total, foram cinco dias de competições entre duas categorias, canoas V1 (individual) e V6 (composta por seis atletas). A delegação brasileira foi formada por 52 atletas em Queensland, acompanhados de perto pela Confederação Brasileira de Va’a, a CBVA’A.

A primeira conquista no Mundial de Va’a Longa Distância 2019 para o Brasil veio através das remadas potentes de Paulo dos Reis, bronze na categoria V1 Master 40. Durante os 16 km de prova, o baiano disputou centímetro por centímetro a terceira colocação com o neozelandês Bryce Irving, e levou a melhor no fim, cruzando a linha de chegada apenas quatro segundos do adversário.

Paulo dividiu o pódio com o havaiano Manny Kulukulualani, que ficou com a medalha de ouro, e o taitiano Daniel Leprado, segundo lugar. No dia anterior, Paulo competiu pela categoria V1 Open, também de 16 km, e terminou na sexta colocação.

Mas foi no dia seguinte que o Brasil alcançou a glória máxima, e Guilherme Borrajo foi o responsável por escrever o nome do país na história do Mundial de Va’a Longa Distância. O carioca brilhou na prova da categoria V1 Parava’a, deixou para trás o taitiano Christian Ti-Paon e o neozelandês George Taamaru, respectivamente, e conquistou a memorável medalha de ouro, a primeira brasileira na competição e a segunda do remador, dono de um bronze no Mundial de Va’a Velocidade em 2018, no Taiti.

Foco no Mundial de 2020

O histórico resultado conquistado pelo Brasil em Queensland encheu de ânimo os remadores da delegação para o Mundial de Va’a Velocidade, que será disputado no próximo ano em Hilo, no Havaí. Além das medalhas de Paulo e Guilherme, o país conquistou bons resultados em outras provas. Na categoria V6 Open, o time verde e amarelo se manteve entre os líderes por grande parte da disputa, lutou até o fim e o resultado foi a honrada quarta colocação ao término dos 24 km do percurso.

A força das remadoras brasileiras apareceu na prova da categoria V6 Master 40. Com grande performance, a equipe repetiu o feito dos homens na categoria Open e terminou na quarta posição. As remadoras da categoria V6 Master 60 também fizeram bonito em sua participação no Mundial, e ficaram na sexta colocação.

“Foram dias incríveis na Austrália, que reforça ainda mais a qualidade e a garra do Brasil na modalidade. Nossos atletas deixaram a alma nas canoas, deram o melhor de si, e voltarão para casa com um resultado histórico na bagagem. O que eles fizeram é para encher todo brasileiro de orgulho, e tenho certeza que ainda evoluiremos muito até o Mundial de Velocidade de 2020. Vamos trabalhar muito para captar patrocinadores e apoiadores que possam nos dar suporte e que possam fazer história conosco”, comemorou Fagner Magalhães, presidente da CBVA’A.
Por: Lucas Gomes

Veja também
Novidade na Raia

Novidade na Raia

V3 estréia no Aloha

Ohana Canoe Club

Ohana Canoe Club

Clube promove Clínica

Canoa Havaiana

Canoa Havaiana

Va'a nos seus sentidos

Inclusão no esporte

Inclusão no esporte

Remando Para o Futuro

Va'a Pro Brasil

Va'a Pro Brasil

Búzios recebe etapa

Vendée VA´A 2019

Vendée VA´A 2019

Canoa Bahia Representa

Estadual de VA'A

Estadual de VA'A

Rio de Janeiro

França de Luto

França de Luto

Remador francês morre durante treino de downwind.

Olhar social

Olhar social

V1RJ

VISA 2019

VISA 2019

Briefing será no Sheraton Santos Hotel

Mestre do Mar

Mestre do Mar

Ilhas Maricas

Volta à Ilha de Santo Amaro

Volta à Ilha de Santo Amaro

16 anos de história

Mestre do Mar

Mestre do Mar

Tempo e condições climáticas.

Fera no Va’a

Fera no Va’a

Gabi Latini

CEM

CEM

Segurança no Mar